Queda no tempo de procura do trabalho

CATEGORIA NT

tempus

Boa notícia

Deu na Folha: O Brasil está vivendo um declínio constante no tempo de procura por trabalho.

Segundo dados do IBGE, em 2003, o brasileiro ficava em média 17,8 semanas desocupado. O número de semanas em busca de uma nova colocação caiu para 12,4 em 2012. Este declínio está relacionado à maior rotatividade, num período em que oferta de vagas e a renda cresceram.

A boa notícia tem dois componentes: o declínio do tempo de (re)colocação do trabalhador em si mesmo e a persistência do indicador ao longo de 10 anos.

Clique aqui para maiores detalhes.

UTILIZE E CITE A FONTE.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s