Purgar o passado.

Perplexidades & Filosofia

purgatorio_de_dantealigheri

Em 27 de janeiro de 1302, há exatos 713 anos, Dante Alighieri foi expatriado de Florença. Quase sucumbiu ao exílio – à época, um infortúnio equivalente à pena de morte – mas seu desterro nos legou ensinamentos preciosos, pois foi então que se dispôs a escrever uma das obras magnas da civilização ocidental: a Divina Commedia.

A primeira e melhor parte da Comédia, o Inferno, ensina muito sobre os costumes daquele tempo, sobre a política, sobre a poesia. Ensina principalmente sobre a cólera, já que Dante vinga-se dos que contribuíram para a sua expatriação. Os tormentos que lhes inflige são terríveis, mesmo quando engraçados. O Papa Bonifácio, por exemplo, a quem Dante atribui a culpa de o haver retido em Roma, que ainda vive quando da publicação da Commedia, é aguardado nos círculos infernais. Quem informa é o Papa Nicolau, outro desafeto, que enfiado de ponta cabeça em um buraco, fala pelo rabo, com voz cavernosa e aos peidos.

Mas a lição principal sobre a vida está no Purgatório. Não tem a mesma força do Inferno e é monótono. Mas, por chato que seja (os penitentes cantam, tossem, arrotam, e têm que subir uma baita montanha), ali figuram dois ensinamentos fundamentais: o da resignação e o da renovação.

À luz tênue do Purgatório – que contrasta com a obscuridade do Inferno – Dante vê e aceita que não voltará mais para Florença. Apreende que a descontinuidade, a ruptura, é regra e não exceção ao longo da vida. Deixa o ensinamento de que o passado deve ser purgado, porque tentar estender, tentar prorrogar a vida já transcorrida é condenar-se  eternamente ao limbo, é viver uma ilusão estéril, sem sentido e sem objeto.

utilize

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s