O eterno feminino.

Notícias & Almanaque

angry-woman-from-above11 copyA Organização Internacional do Trabalho – International Labour Organization (ILO) publicou segunda-feira, 7 de março, um relatório sobre as tendências de 2016 para “mulheres no trabalho“.  A conclusão é de que a situação das mulheres no emprego a nível mundial não está melhorando.

Conforme relatado, o progresso foi mínimo nos últimos vinte anos. Entre 1995 e 2015, a taxa global de participação das mulheres na população economicamente ativava na verdade diminuiu de 52,4% para 49,6%. Primeiras vítimas de subemprego, da precarização e sobrerrepresentadas na economia informal, menos bem pagas, menos protegidas socialmente, as mulheres ainda hoje são confrontadas com uma situação de desigualdade geral em todos os continentes.

As oportunidades para as mulheres ingressarem no mercado de trabalho é 27% menor do que a dos homens. A disparidade salarial entre homens e mulheres estimada pela OIT é da ordem de 23% a nível mundial. E, onde e quando a situação das mulheres parece ter melhorado, isso geralmente se deveu à diminuição da taxa de emprego masculino.

Veja aqui o relatório completo.

utilize

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s