Trabalhar dormindo.

Trabalho & Produtividade.

facebook-garfield-7b7187

A permeabilidade entre trabalho e lazer é característica da era digital. Pouco a pouco as competências, os gestos, as linguagens entre as duas esferas da vida se tornam indistintas.

Confirma-se, em linhas gerais, a tese de Jonathan Crary de que formas de ser e de agir dominariam a estrutura 24/7 (24 horas por dia, 7 dias por semana) embaralhando as atividades reservadas ao tempo e ao lugar de trabalho.

Dissipada a fronteira física, nós não sabemos mais dizer se temos ou não um tempo livre, um tempo dedicado a nós mesmos.

Escapavam da fusão entre trabalho e não-trabalho as horas de sono. Não mais.

A insônia, provocada pelas conexões Web e pelo consumo de estimulantes para se estar permanentemente plugado, agravou a erosão do que era o último período realmente livre do trabalho que nos restava.

O sono, o tempo do não-trabalho por excelência, encurtou. Nos últimos 50 anos nos países desenvolvidos o tempo médio de sono diminuiu em 1:30 hs. Nos EUA está próximo de 6 hs. por noite. Aqui no Brasil não sabemos, mas deve andar perto disto.

Sendo improvável o desenvolvimento em futuro próximo da capacidade humana de não dormir, restam aos trabalhadores duas perspectivas. Uma, pessimista, é a de se tornarem zumbis em transe, capazes unicamente de realizar tarefas mecânicas. Outra, otimista, é a de que a tecnologia torne o trabalho tão intelectualizado que se venha a necessitar cada vez menor tempo físico de dedicação.

untitled-1O que parece estar em curso é a superposição (não a combinação) das duas formas.

Oxalá a ambição de dormir em lugar de trabalhar venha a prevalecer sobre a tendência atual de trabalhar mesmo dormindo.

UTILIZE E CITE A FONTE.
Crary, Jonathan (2015) 24/7 – Capitalismo tardio e os fins do sono. Trad. Joaquim Toledo Jr.; São Paulo; Cosac & Naify

Philosophie Magazine; 89; Mai 2005; p. 61
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s