A comprovação do inequívoco.

Notícias & Almanaque.

happiness at work

Não custa, pelo menos para nossos ricos vizinhos do Norte, apor números e estatísticas ao que todos já sabíamos ou, pelo menos, desconfiávamos.

A pesquisa liderada pela professora Teresa Amabile, da Harvard Business School, envolvendo 238 profissionais, de 26 equipes de projetos, de 7 empresas diferentes, é um destes casos de sistematização do óbvio.

Amavelmente, como não poderia deixar de ser, a professora documentou 5 fatores determinantes da felicidade e, portanto da produtividade no trabalho:

  1. Suporte emocional.
  2. Feedback positivo.
  3. Reconhecimento público pelo bom desempenho.
  4. Escuta ativa e respeito por opiniões individuais.
  5. Colaboração entre trabalhadores.

Este verdadeiro achado pode ser complementado pela pesquisa da Woohoo inc., que concluiu que devem ser anulados ou invertidos em favor do incremento da felicidade, e, por consequência, da produtividade, os seguintes fatores:00

  1. Chefes horríveis (falta de apoio e comunicação);
  2. Relações negativas com colegas de trabalho (reclamações e intimidação);
  3. Falta de clareza na orientação do projeto (incerteza sobre visão e estratégia);
  4. Ausência de incentivo positivo (falta de elogios; falta de reconhecimento);
  5. Exagero na carga de trabalho (estresse e agitação).
 UTILIZE E CITE A FONTE.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s