Automação e o Futuro.

Notícias & Almanaque.

Deu na CNBC por Anita Balakrishnan.

Jack Ma, o bilionário presidente do grupo Alibaba, acredita que a automação vai ajudar os trabalhadores do futuro a aproveitarem mais seu tempo de lazer. Na verdade, ele vê um futuro em que as pessoas vão trabalhar apenas 16 horas por dia, em 2047.

“Eu acho que, nos próximos 30 anos, as pessoas vão trabalhar apenas quatro horas por dia e talvez quatro dias por semana”, Ma disse essa semana, em uma conferência em Detroit. “Meu avô trabalhou 16 horas por dia na fazenda e achava que estava muito ocupado. Nós trabalhamos oito horas, cinco dias por semana, e achamos que estamos muito ocupados.”

Isso soa familiar? Pode parecer, se você ouviu outras previsões do século XX para o trabalho do futuro. Na verdade, a semana de 16 horas de trabalho era uma previsão bem popular nos anos 1960. Na época, é claro, os especialistas disseram que chegaria no ano mágico de 2000.

Ou, se você for um pessimista, você acreditava que só chegaríamos a uma semana de trabalho de 30 horas semanais até os anos 2000. Outros pessimistas do século XX acreditavam que nós não chegaríamos a uma semana de trabalho de 16 horas até o distante ano de 2020.

Como Walter Cronkite proclamou em 1967:

“A tecnologia está abrindo um novo mundo de tempo de lazer. Um relatório do governo projetou que, até o ano 2000, os Estados Unidos vão ter uma semana de trabalho de 30 horas e férias de um mês como regra.”

Não precisamos nem dizer que nada disso aconteceu. Sob o capitalismo, os trabalhadores nunca vão conseguir menos horas de trabalho e mais tempo de lazer, porque aumentar a produtividade faz as companhias ganharem mais, não os trabalhadores ganharem melhores salários. A não ser que esses trabalhadores peçam por isso por meio de um acordo obtido através de um sindicato.

O trabalhador americano hoje é aproximadamente 25% mais produtivo do que era no ano de 2000, e, no entanto o salário, ajustada a inflação, não mudou. Algumas pessoas estão de fato trabalhando apenas 30 horas por semana, mas não por própria escolha. Embora a economia americana seja o que os economistas consideram emprego pleno, a falta de emprego continua sendo um grande problema, e os salários estão estagnados comparados ao crescimento de produtividade dos 50 anos passados.

Uma semana de trabalho de 16 horas é possível no futuro. Mas não realisticamente em um sistema capitalista. Para uma semana de 16 horas de trabalho ser sustentável, precisaríamos de nada menos do que o comunismo total. E Jack Ma não está defendendo isso.

Clique aqui para ler o artigo original na íntegra ou aqui para a matéria no Gizmodo por Matt Novack.

UTILIZE E CITE A FONTE.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s