TRABALHO: Magritte – a tentativa do impossível.

Trabalho.

Renè Magritte, La tentative de l’impossible, 1928, © PhotothËque R. Magritte / Banque d’Images, Adagp, Paris, 2016

La tentative de l’impossible é um óleo de 116 x 81 cm, em que o pintor belga René François Ghislain Magritte (1898 – 1967) dispôs a ele mesmo em roupas convencionais, e, nua, a Georgette, paixão, modelo e esposa por toda a vida.

Como em tudo o que gênio de Magritte construiu, há neste quadro um enigma a ser decifrado. Desde o título até as cores escolhidas, as interpretações diretas são lacunares. Isto, da completa incompletude, é um dos muitos paradoxos lançados pela obra. O impossível está na figura em volume, mas sem suporte, de Georgette. Na imagem robótica e semiacabada, que mostra o despropósito de representar o espírito. Na frieza desumana da persona, que a apresenta sendo antes de ser. Está na criatura inacabada, que parece esperar pacientemente para vir à existência; um ente em evolução que ainda não vive, mas sabemos nós, os expectadores, que logo viverá. Como sabemos que não é assim. Que a imagem está pronta, que o personagem em potência não se atualizará. 

Magritte nos obriga a pensar. Sobre ele mesmo, um trabalhador de classe média, que se conduziu sempre como um burguês de cidade pequena, mas que tinha a imaginação mais livre que se tem notícia. Sobre o seu trabalho, onde cada obra é um meme, uma imagem que fica pregada indelevelmente no cérebro de quem a vê. Sobre o trabalho da criação, a que qualquer tentativa de exegese da sua obra remete. 

Magritte morreu em 1967, mas suas personagens subsistem na memória de quantos viram os seus quadros. Georgette morreu em 1986. Ou, talvez, não. Impossivelmente, Georgette perdura entre o nada e a existência. A sua figura inacabada cristaliza para a eternidade o ato ainda em potência. Retrata o trabalho inventivo – poïesis – a tentativa absurda de manter em suspenso o que já foi criado.

UTILIZE E CITE A FONTE.
Marcadé, Bernard (2016). Magritte.  Paris. Citadelles & Mazenod

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s