O conformismo impaciente.

Notas.

Artigo publicado: O conformismo impaciente: uma interpretação do quadro de referência ética dos jovens executivos nas organizações brasileiras. RAP. Revista Brasileira de Administração Pública, Rio de Janeiro, v. 38, n.4, p. 613-642, 2004.

CHERQUES, H. R. T.

O executivo jovem é alguém que cumpre um rito de passagem. Já não é um empregado ou um funcionário iniciante, mas ainda não atingiu os níveis decisórios mais altos. Está a meio caminho do topo, onde as decisões estratégicas são tomadas.

Na passagem para os postos mais altos das organizações, o jovem executivo internaliza os valores inerentes ao exercício do poder administrativo. Os modelos de conduta, os estereótipos que devem dar continuidade ao padrão moral estabelecido.

No processo de ascensão funcional, a cultura da organização, os acontecimentos, as figuras, as palavras e os mitos vão adquirindo para ele um caráter significativo e normativo. A entrada no comando das organizações é marcada pelo distanciamento entre o passado, que já não se considera vigente, e o futuro, que ainda está por ser construído. Instaura uma crise que se resolve pela superação de uma situação e o ingresso em outra, nova, com condições, regras, problemas e soluções diferentes.

A pesquisa “Ética na era digital”, conduzida pelo autor e pesquisador Roberto da Costa Pimenta, versa sobre a percepção dos valores éticos entre os executivos das organizações brasileiras. Considera 165 itens diferentes, distribuídos em 17 categorias. O sistema de levantamento já concluído foi o de autodeclaração (self-report study). A amostra foi de 15.217 executivos pós-graduados. Foram obtidas 2.123 respostas válidas (testes interintem e interrater), com representatividade variando entre 250 e 500 mil executivos. Os dados referentes às faixas etárias, que constam do Documento nº 8, são transcritos no final deste artigo e indicados em notas no final do parágrafo em que são citados.

Recuperável aqui.

CHERQUES, Hermano Roberto Thiry, 2020 – O conformismo impaciente. A Ponte: pensar o trabalho, o trabalho de pensarhttps://hermanoprojetos.com/2020/09/21/o-conformismo-impaciente/ 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s