O interesse de todos.

Ética.

A autonomia da consciência moral deve ser protegida de fontes externas que a possam corromper, sejam essas fontes as divindades, os afetos ou uma suposta natureza humana.

A moral se firma na prática da harmonização da coexistência. A ética aspira ao convívio segundo a razão. Entra na vida cotidiana em um segundo plano: o da solução de dilemas. Por exemplo: acredita-se que se deve fazer o bem aos outros e, simultaneamente, acredita-se que se deve respeitar a vontade alheia. É serviço da ética responder o que deve prevalecer, a bondade ou o respeito.

A moral se exercita. A ética se problematiza. Ninguém pode contestar a utilidade de um sistema de cooperação dirigido ao interesse de todos, incluindo os mais fracos e os desconhecidos. Mas qualquer um pode, e deve, discutir o fundamento que dá sustentação ao tipo de interesse e ao perfil dos beneficiários dessa utilidade. O que deve predominar: o aqui e agora ou o lá e depois? a vontade da maioria ou a dos mais sábios? a economia ou a vida?

No plano mais amplo da pacificação do convívio, a moralidade contemporânea julga ser necessária uma contenção social e, simultaneamente, julga que se deve respeitar as individualidades. É obrigação da ética validar ou invalidar essas crenças ou, se possível, as compatibilizar. Encargo a que sempre se subtraiu. Não tendo a que nem a quem transferir a responsabilidade, a consciência moral segue respondendo a si mesma. Pelo menos nesse mundo.

 

 

UTILIZE E CITE A FONTE.
CHERQUES, Hermano Roberto Thiry, 2021 – O interesse de todos. A Ponte: pensar o trabalho, o trabalho de pensar https://hermanoprojetos.com/2021/01/06/o-interesse-de-todos/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s