O silêncio sobre o trabalho.

Trabalho.

casa-branca-e-cientistasA cultura tecno-corporativa nos emudece. Ideologias, conveniências, rituais, crendices interditam os atos de fala autênticos. Tudo o que nos dizem é: calem-se.

A tragédia do empregado e do funcionário é terem traduzido o silêncio como benéfico e necessário. A tragédia dos estudiosos do trabalho é não sabermos como proclamar uma sociedade em que o mutismo assalariado seja suprimido.

Os governos são controlados pelas empresas que, por natureza, são tirânicas. Devemos combater a tirania, mas não podemos destruir um sistema sem que tenhamos outro para pôr no lugar, e não temos um discurso sustentável de como forçar empresas e governos a consentirem com a livre expressão dos trabalhadores.

Pesa o silêncio sobre o fato de que, insensivelmente, permitimos que o exercício profissional oprima. Alguns trabalhadores ensurdecem. Outros não se adaptam. Ouvem as vozes do passado e do futuro. Outros ainda, mas são poucos, tangenciam a circunstância e a alteridade. Trabalham no mundo, mas vivem no âmago de si. Calados, iluminam a existência com diálogos interiores.

UTILIZE E CITE A FONTE.
CHERQUES, Hermano Roberto Thiry, 2021 -O silêncio sobre o trabalho. A Ponte: pensar o trabalho, o trabalho de pensarhttps://hermanoprojetos.com/2021/12/06/o-silencio-sobre-o-trabalho/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s