Bourdieu – Emprego, o viés escolástico.

Trabalho.

Nas sociedades contemporâneas, o trabalho é percebido como externo ao ser humano. É tomado como imperativo econômico que, se de um lado fere e magoa, de outro nutre o corpo e o espírito. A antropologia mostrou que essa percepção e esse sentimento são recentes e particulares ao nosso meio.

Nas sociedades pré-industriais o agir humano não era dissociado dos ciclos da natureza. As noções de tempo de trabalho, desemprego, escassez de postos e pleno-emprego, que tanto nos afligem, não existiam. Mesmo nas sociedades pré-modernas, a atividade produtiva era inscrita no domínio da não-contingência. O trabalho era mais do que um dever. Integrava o cerne natural da sociedade. Exceto os aristocratas, todos, desde a mais tenra idade até a extrema velhice, tinham algo a fazer para si e para os outros. Trabalhar era uma condição, não uma opção.

As transformações que assistimos no último século fizeram desaparecer essa forma de vida. Passamos de organizações em que as relações trabalhistas eram concebidas como relações sociais – confiabilidade, honra, tradição, amparo, etc. – para organizações em que as relações sociais são concebidas como relações econômicas – competitividade, lucro, caução, acumulo, exploração. Padecemos daquilo que Pierre Bourdieu, filosofo, mas também antropólogo de campo, denominou “viés escolástico”: erigir uma prática específica em norma. No caso o vínculo empregatício. Essa a razão da perplexidade ante seu decaimento.

 

UTILIZE E CITE A FONTE.
CHERQUES, Hermano Roberto Thiry, 2022 – Bourdieu – Emprego, o viés escolástico. A Ponte: pensar o trabalho, o trabalho de pensarhttps://hermanoprojetos.com/2022/09/19/bourdieu-emprego-o-vies-escolastico/

 

REFERÊNCIAS.
Bourdieu, Pierre (1963) Travail e travailleurs en Algérie. Paris. La Haye Mouton.
Bourdieu, Pierre (1996) Razões práticas, sobre a teoria da ação. Tradução de Mariza Corrêa.
Bourdieu, Pierre (1997) Méditations pascaliennes. Paris, Seuil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s