empregador

Pensar em chinês.

Perplexidades.

Do que se depreende das rodadas de discussões sobre a economia internacional, é possível que a China venha a reduzir drasticamente a sua atividade econômica.

Alguns analistas duvidam desta possibilidade, uma vez que esta redução poderia gerar desemprego. Mas não é assim que pensam os chineses. Por duas razões. A primeira é cultural. O valor que emprestam aos vínculos empregatícios e ao trabalho em si mesmo é diferente da nossa forma de ver. A segunda é da esfera interna da sua economia. Com a população jovem encolhendo e a população de idosos crescendo, em breve pode haver mais empregos do que candidatos a emprego. Daí o fim da política de filho único e de outras iniciativas congêneres. Mas todas levarão longos anos chineses para surtir algum efeito. (mais…)

Anúncios

A miséria do aprendiz.

Perplexidades & Filosofia.

Dentre os relatos que constam nas Misères des apprentis imprimeurs en vers burlesques, publicado em Paris, no ano de 1710, o mais interessante é o das libertinagens da mulher do Mestre Impressor, que, apenas caída a noite, atraia à sua alcova os aprendizes para uma esbórnia desenfreada.

As misères são relatos do século XVIII. Narram a pouca comida, o ambiente insalubre, a falta de sono nas casas de ofício. Incluem caricaturas e obscenidades, como a da mulher do Mestre.

Em todas as épocas as misères prenunciam o fim de uma forma de organização do trabalho que já não se sustenta nem econômica nem moralmente.

(mais…)

As melhores empresas para trabalhar, segundo o LinkedIn

Notícias & Almanaque.

Deu na Exame: Os empregadores que todos querem

m_best_employerO LinkedIn divulgou recentemente a versão de 2014 do estudo “Most InDemand Employers”, uma lista dos 100 empregadores mais desejados por profissionais de todo o mundo.

O ranking global foi elaborado com base na análise de mais de 10 bilhões de dados trocados entre usuários e empresas na rede social. Para o cálculo, foram considerados números como visualizações da página oficial da empresa, visitas ao perfil de seus funcionários e soma dos seguidores da companhia.

Clique aqui para ver a lista das melhores empresas para se trabalhar segundo o LinkedIn.

UTILIZE E CITE A FONTE.